Diário de Viagem: Minas Gerais – Inhotim

Dia 2 – 20/10

De manhã, ida para a Rodoviária para pegar o ônibus para o Inhotim.
Aconteceu um perrengue com a minha passagem e meu ônibus que era para às 8h partiu sem mim e eu só pude ir às 11h.
Acabei conhecendo muito intimamente a Rodoviária de BH, mais do que eu gostaria.
Aproveitei para comer um pão de queijo e uma broa de queijo. O primeiro era bem mais ou menos, o segundo, um bolinho doce de queijo bem bom!

Chegado no Inhotim quase 13h. Peguei a visita guiada, tinha apenas eu de ouvinte! (:
Foi muito bom, pude conversar mais com a instrutora e conhecer melhor a organização do Inhotim.
Algumas curiosidades: Eles não contratam estagiários, apesar dos funcionários serem todos muito jovens. Eles pesquisam autodidatamente sobre arte e fazem apresentações entre si para que possam ter o conteúdo necessário para explicar aos visitantes e auxiliar na montagem das exposições.
E o nome Inhotim não é indígena, é de “Sinhô Tim”, antigo dono das terras.

Após a visita guiada fui comer pão de queijo num dos cafés. Pão de queijo recheado de pernil! Lindo, gostoso e bem grande. Serviu de janta no hotel também!

No hotel descubro que ele tem sauna de vapor, lá fui eu experimentar já que não conhecia.
Sempre buscando conhecer novas sensações.

DSC04276.JPGIMG_20161020_131250.jpgIMG_20161020_131705 (1).jpgIMG_20161020_155458_HDR (1).jpg

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s